Pesquisar por Notícias

sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

Buracos dificultam circulação de veículos em rodovia que liga Vitória a Escada

Motoristas reclamam de buracos em rodovia na Zona da Mata Sul de Pernambuco Foto: Reprodução/TV Globo


Quem sai da BR-232, em Vitória de Santo Antão, e acessa a PE-45, no sentido Escada, na Zona da Mata Sul, encontra uma série de problemas na rodovia, que tem 34 quilômetros de extensão. Entre as falhas na infraestrutura da estrada, os buracos são as principais reclamações dos motoristas que passam pelo local.


Diariamente, o motorista de ônibus Amauri Júnior dirige pela PE-45 a trabalho. Segundo o condutor, as más condições da pista causam problemas de segurança, além de prejuízos.

“Essa estrada está horrível. Está difícil de trafegar, muito perigosa. Sem acostamento, sem sinalização, cheia de buracos. Muito complicado para a gente, que está todo dia na estrada. O ônibus precisa ser revisado todo dia, por causa da condição da pista”, afirma.


O caminhoneiro Marcelo Gomes de Melo também reclama da situação dessa rodovia estadual. “Essa estrada está uma tristeza. É buraco que é capaz de o caminhão entrar e não sair mais. Toda hora pneus estouram aqui. Vamos nos ajudar, governo”, pede.

Jovens ganham dinheiro fechando buracos na PE-45, na Zona da Mata Sul de Pernambuco — Foto: Reprodução/TV Globo

O governo de Pernambuco informou que o projeto de reforma da PE-45 está em fase final e deve ser concluído até fevereiro de 2019. Apesar disso, não há uma data para obra sair do papel.


Enquanto disso, pessoas que moram próximo à rodovia decidem ganhar dinheiro arriscando-se na pista para tapar, com areia, os buracos na estrada.


Aos 19 anos, Eduardo José da Silva parou de estudar para ajudar a família. É dos buracos na PE-45 que ele tira o sustento. “Aqui a gente tapa buraco para ganhar a feirinha da gente. Fico o dia todo aqui”, diz.


Do G1-PE


Envie sugestões de pautas para rubemardejesus@gmail.com

 Brasil Facin no Mercado Livre