quinta-feira, 22 de março de 2018

Estados e municípios que aderirem ao Sinajuve terão preferência no recebimento de recursos



Regulamentado em 15 de março pelo presidente Michel Temer, Sistema Nacional da Juventude é um modelo de governança para implantação de políticas para os jovens

Gabriel Jabur/ Agência Brasília

Estados e municípios que aderirem ao Sistema Nacional de Juventude (Sinajuve) terão preferência no recebimento de recursos públicos destinados a ações específicas para os jovens de 15 a 29 anos, afirmou nesta quinta-feira (22) o secretário Nacional da Juventude, Assis Filho, em entrevista ao programa Por Dentro do Governo, da Rede Nacional de Rádio.

“Qualquer recurso relacionado a políticas voltadas à juventude serão destinados aos estados e municípios preferencialmente que tenham aderido ao sistema”, explicou Assis Filho. Regulamentado em 15 de março pelo presidente da República, Michel Temer, o Sinajuve estabelece um modelo de governança inédito para a implantação de políticas aos jovens.
Violência

Ação elaborada para reduzir a violência física e emocional contra jovens negros, o plano Juventude Viva cria oportunidades de autonomia e inclusão social. "O Mapa da Violência e demais estudos revelam que a violência no Brasil tem faixa etária, cor de pele, geografia", explicou Assis.
Fonte: Governo do Brasil, com informações da Rede Nacional de Rádio e da Secretaria Nacional de Juventude

Publicidade
 Loja online Brasil Facin


Loja de accessórios para informática, celulares, papelaria, decoração, moldura, quadros, tintas para bulk ink, pen-drive, carregadores, cabos, suporte para celular, etc