quinta-feira, 28 de junho de 2018

Depois da Libertadores, Facebook garante direitos de transmissão da Liga dos Campeões no Brasil


Depois de garantir os direitos de transmissão da Libertadores no Brasil a partir de 2019, o Facebook acaba de reforçar seu arsenal de torneios de futebol, assegurando também a Champions League, já a partir da próxima temporada, 2018/19. Segundo o Blog do Rodrigo Mattos, do UOL, a rede social conseguiu os direitos para a TV aberta, substituindo a Globo, que não entrou na licitação.

De acordo com o blogueiro, apesar de os vencedores da concorrência estarem definidos — a Turner, proprietária do Esporte Interativo, manteve os direitos para a TV fechada —, o processo ainda não está concluído, com as negociações de detalhes ainda em andamento. Não foram revelados valores do acordo.

Rodrigo Mattos escreve em seu post que, apesar da boa audiência que vinha conseguindo com a competição europeia, a Globo decidiu não entrar na negociação depois de ter que aumentar suas ofertas para manter competições mais relevantes para o público brasileiro — Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores e Copa do Brasil —, diante da pressão de concorrentes.

O acerto é mais um em um esforço do Facebook de crescer nas transmissões esportivas, e não só no Brasil. Segundo a Bloomberg, a rede social também está concorrendo aos direitos de transmissão da Premier League, o campeonato inglês, em quatro mercados asiáticos: Tailândia, Camboja, Laos e Vietnã. A Ásia é o continente estrangeiro em que a competição tem maior sucesso. Já nos Estados Unidos, em março deste ano, o site garantiu os direitos de transmissão de 25 partidas do torneio na temporada 2018.

Entramos em contato com o Facebook para esclarecer mais detalhes sobre o acerto, como número de partidas que serão transmitidas, mas a rede afirmou não ter mais o que compartilhar sobre o acordo.

Além dos avanços em termos de transmissão de esportes, o movimento do Facebook chama atenção também pelo fato de a rede ter feito muitas investidas no ramo de vídeos ultimamente. Recentemente, a companhia anunciou o IGTV e, nos EUA, o site investe no Facebook Watch, uma plataforma de vídeos com conteúdos originais. Se continuar assim, só falta o Facebook produzir novela, pois a programação de futebol à la TV Globo já parece estar a caminho.
Imagem do topo: Divulgação/UEFA Champions League

Publicidade
Vitória de santo Antão